Livro Nephilim

Curiosidades e Mistérios

Nos é contada a história de Abellardo Ramez II um Teólogo e Filosofo, não sabemos exatamente qual é ano quem ele vive, o que o livro nos faz entender é que ele está no século XXI, pela forma como já descreve a tecnologia e que viva na Cidade Maravilhosa no Brasil.

Abellardo sofre um procedimento médico, após isso perde sua essência e precisa se encontrar para isso viagem para sua terra natal a para a Terra das Florestas no Brasil. Ao chegar em sua terra natal aluga um barco com um caboclo que guia o Isac Porto, que é uma figuraça na história, muito engraçado com sua simplicidade e sagacidade.

Ao desenvolver a narrativa somos confrontados com os conceitos de espaço tempo, dimensão, eternidade e infinito, onde o autor da coloca conceitos da filosofia, teologia e física quântica, e afirma que logo a ciência e espiritualidade um dia vão estar cada vez mais próximos.

Para o Autor e para a narrativa, passado, presente e futura acontecem ao mesmo tempo, o que é; é tudo e tudo é, isso porque para a narrativa tudo isso procede do Supremo Ser do universo, o Criador de tudo. Por várias vezes o Autor deixa notas de rodapé com referências bíblicas ele usa muito o livro de Enoque para fundamentar muitas coisas.

No decorrer da história ele mostra como surgiram os Nephilims seres híbridos, mistura de anjos e seres humanos. Para história anjos não tem nada a ver com seres com asas e penas como conhecidos popularmente, ele são seres de uma ordem superiores aos humanos são de outra dimensão por isso conhecem vários segredos do universo, na história eles são considerados alienígenas.

Explica que que a 1ª queda foi a de Satanil onde cai com uma parte de anjos, a 2ª foi quando os Maiores anjos semelhantes aos Arcanjos, pois sim ele tem uma hierarquia, decidiram perverter a raça humana eles ficaram conhecidos como os Vigilantes. Isso é narrado em Genesis 6 quando os filhos Deus viram as filhas dos homens e acharam elas muito belas e resolveram ficar com elas. Partindo disso eles começaram a perverter a humanidade fazendo todo a sorte de modificações, o Nephilim é uma delas, ele é metade anjo e metade humano, pois não são uma criação de Criador de Todas as Coisas, um Nephilim não tem alma.

Nosso peregrino Abellardo ao viajar para o passado pode contemplar tudo, isso ao lado de um homem da antiguidade que não morreu ele foi tomado pelo ser Supremo do Universo, portanto durante a história não houve em nenhum momento invocação de qualquer tipo de espirito de alguém que já havia morrido, pois segundo o livro invocação dos mortos é ciência dos Vigilantes.

Nosso Protagonista pode acompanhar várias maldades, bem como também feitos como música, matemática, astronomia, na história entendemos que as pirâmides do Egito, Astecas e Incas, toda essa ciência magnifica da antiguidade que nos abisma até os dias de hoje são fruto do conhecimento dos Vigilantes. Ele afirma que os deuses dos gregos e a até a civilização de Atlântida são frutos dos Vigilantes e Nephilims, bem como sátiros, sereias e centauros, bruxaria e o vampirismo são ações dos Vigilantes e dos Nephilims.

Pela perversão ser tamanha e em todas as esferas e desde os seres humanos aos animais, O Criador se arrependeu de ter feito tudo que decidiu lavar a terra, então através do diluvio o planeta foi lavado, os Vigilantes tiveram uma punição, e a criação renovada, mas ainda ficou resquícios dos Nephilims na memória da humanidade.

Ao voltar para o presente a Abellardo percebe que pode haver ainda um ou mais Nephilim na terra das florestas em uma tribo indígena remota e afastada de tudo e de todos onde ele está, pois existem vários indícios para isso, mas para ele terá que conferir junto aos seus companheiros.


Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.